30 de agosto de 2013

Resumo das Férias Parte 2

 Olá!
Para terminar as férias em grande, fui a Óbidos. Ouvia falar muito daquele local, mas nunca o tinha visitado.
Pelo caminho, vi imensas pereiras. Estavam tão perto da estrada, que perguntei várias vezes aos meus pais se não podíamos parar e comprar algumas. Tinham muito bom aspeto e havia tantas pêras no chão, que até dava pena.
Quando chegamos, fomos para o Castelo. Aquilo é gigante, só de pensar que há muitos anos havia montes de pessoas a fazer a vigia com as suas bestas e arcos... É espantoso, seriam precisas inúmeras para cobrir aquela área. Para além de ser alto, o piso é um pouco escorregadio. Por isso, não façam como eu. Não levem sandálias! É melhor levarem algo mais aderente.
Dentro do Castelo há uma espécie de vila, onde podemos encontrar vários restaurantes, lojas e habitações. Lá, encontrámos uma Igreja com um conceito totalmente diferente do habitual. Na minha opinião, surpreendentemente criativo. Era uma Igreja transformada em livraria. O contraste dos livros com o teto colorido e com os azulejos ficava fenomenal. Infelizmente não tenho uma fotografia para vos mostrar.
A ginjinha é tipicamente dali, logo por cada rua que passamos vimos dez lojas a promoverem-na . Há tanta variedade que se torna um pouco difícil escolher o melhor sítio.
Mais tarde, encontramos um espaço de leitura formidável. Era uma loja de livros usados, um alfarrabista. Tinha livros em quase todas as línguas, de todos os tamanhos e feitios. A maioria, até tinha um preço acessível. Se bem que uns, faziam nos pensar: «Se este é o preço dele usado, nem quero saber como é que ele era novo!». A loja era gigante, tinha um ambiente calmo e relaxante. Convidava a sentar e passar uma tarde a "saborear" antiguidades.
P.s.- Se clicares nas imagens vês melhor!

5 comentários:

Elimino comentários ofensivos.