15 de outubro de 2015

Sou esquisita e depois?

Já aconteceu as pessoas dizerem várias vezes que sou esquisita, estranha e muitos outros sinónimos. Cada vez entendo menos, até porque não sou nenhum monstro de sete cabeças, nem tão anormal quanto isso. E se dizem que são assim em relação à comida, então é uma grande mentira.
As primeiras vezes que ouvi isto foram mais como insulto, do que propriamente elogio, mas como eu não pensava ser assim tão estranha quanto isso, foi indiferente.
Com o tempo, aprendi a não levar a mal. Afinal, quem é que gosta de ser ordinário? Bom é ser original, creio eu. Por isso, se dizem que sou esquisita, então penso que sou criativa (?) ou fantástica.
A partir de agora, quando me apelidam assim, aceito como elogio. Pareço esquisita? Melhor, então. Por mim está tudo bem.
Tamblr
Só falta dizer que sou esquisita, porque gosto de livros de Ficção Científica e de Fantasia...

4 comentários:

  1. Hoje em dia, quem não é a tipica pessoa que se veste assim e tem estes gostos, é chamado de esquisito, enfim...

    ResponderEliminar

Elimino comentários ofensivos.