6 de maio de 2014

Uma desmiolada de patins!


Olá!
Tenho uns patins em linha guardados, quase que esquecidos no fundo do meu armário há algum tempo. Recebi-os quando tinha uns dez anos, porque queria muito aprender a andar e porque já tinha experimentado uns como os da imagem e tinha adorado. Bem, no início fiquei muito empolgada, pois eles eram bonitos e diferentes. Contudo, o entusiasmo foi passageiro. Experimentei-os algumas vezes e posso dizer que me diverti, até ao momento em que dei a primeira queda. Vá não foi nada de grave nem nada. Mas eu fiquei desiludida, eu sei que é um pouco estúpido, porque uma pessoa precisa de cair muitas vezes para aprender. Pelo menos foi o que aconteceu quando eu aprendi a andar de bicicleta. Só que eu sou medricas e, por isso, o alvoroço desvaneceu. Enfim, perdi todo o interesse neles e fiquei pela bicicleta.
Arrumei-os no recôndito do meu guarda roupa e lá ficaram. Quando a minha melhor amiga, a Isabel, vinha a minha casa, pegávamos neles e levávamo-los para a garagem. Andávamos felizes e contentes com os patins. Acho que era só nesses momentos em que eu os usava. Tinha menos receio com ela por perto, até porque ajudava-me a andar (sem ser a agarrar as paredes). Ao longo dos tempos o medo foi diminuindo, houve uma altura em que ela corria e eu agarrava-me à camisola e deslizava que nem uma doida.
Estou aqui a contar esta história porque, justamente nestas férias do verão, EU, BEATRIZ vou dedicar-me aos patins. Vou aprender de uma vez por todas e, se cair, paciência. Por isso, aviso-vos já que se virem alguma croma com um capacete azul com borboletas cor de rosa e com proteções dos pés à cabeça, essa sou eu. É melhor saírem da frente. Carros, motas, camionetas, vendedores ambulantes, tenham cuidado porque eu sou um perigo.

21 comentários:

  1. Eu andei uma vez agarrada a paredes..xD

    ResponderEliminar
  2. hahah vais conseguir, qualquer cena tou ca para ajudar xD
    e eu ando sem proteção nenhuma no meio da rua com carros e tudo (sem capacete e o resto) se me acontecer alguma coisa n sei hahah xD

    ResponderEliminar
  3. Já somos duas! Tenho os meus patins há anos e já não os uso há séculos (se isto fizer sentido...)! Também já ando a pensar em pegar neles há uns tempos mas ainda não deu. Num fim-de-semana próximo tenho de recomeçar e aposto que também vou coleccionar umas quantas nódoas negras! x)

    ResponderEliminar
  4. Muito bem! É esse o espírito. Não te vão valer de nada se ficarem fechados no fundo de um caixote. Só experimentei anda nesses patins na escola, nas aulas de Ed. Fisica e gostei muito, mas nunca mais andei. Por acaso tenho saudades.

    ResponderEliminar
  5. Ahaha que fofinha xD Eu tb já quis ter patins mas nunca me presentiaram com uns -.-
    Bom resto de semana Bea :)

    ResponderEliminar
  6. ..ainda há vendedores ambulantes? :p

    ResponderEliminar
  7. Fiz o mesmo com um arco de hula hoop da minha irmã... agora abano a anca como ninguém...

    ;)

    ResponderEliminar
  8. Ahaha eu também estava muito entusiasmada com os patins, mas depois perdi o interesse. Acho que vou fazer como tu e, finalmente, dedicar-me aos patins. Eu já tinha aprendido, mas foi num dia e há tanto tempo que provavelmente já nem sei andar.

    ResponderEliminar
  9. Eu cá adorava andar de patins cai várias vezes mas não desisti, boa sorte para estas férias e não desistas, apartir de um momento vai-se tornar fácil :)

    ResponderEliminar
  10. As únicas vezes que andei de patins foi mesmo nas aulas de educação física e isso foi para aí duas vezes, depois não andei mais, mas até gostava de me dedicar a aprender :)
    O espírito é mesmo esse: não desistir. Força!

    ResponderEliminar
  11. Ahahah, força nisso então! Eu não sei andar, mas adorava! Mas o medo é enorme! (:

    ResponderEliminar
  12. Nunca tentei andar verdadeiramente... só experimentei uma vez

    ResponderEliminar

Elimino comentários ofensivos.